(quase) Sem nexo

Escrever Amor.
Falar sobre a Morte.
Partilhar a Vida.
Correr de um lado para o outro sem destino.
Ser-se bom. Fingir-se mau.
Fugir de tudo.
Esconder-se de todos.
Chorar de alegria.
Rir de nervosismo.
Amizade.
Palavras soltas. Expressões
com sentido.
Vontade. Desejo de mudar. Dificuldade
em atingir o caos.
A pressa, sempre a pressa.
O dia que não termina.
O futuro que não chega.
Um livro na mão. Um tema
desconhecido. À descoberta.
Novos rostos. Hábitos antigos.
Estão ali, permanecem e não desaparecem.
As dificuldades.
As alegrias para recordar. Saudade.
Saudade infinita.
O que se é sem se ser. O que se foi sem nunca se ter sido.
O que não se tem.
O que se deseja.
O Amor. A Vida.

5 comentários:

Tinta no Bolso disse...

queria-te dar esse nexo, a serenidade. mesmo se não os tenho para mim.

o¤° SORRISO °¤o disse...

Opostos de uma vida moderna.
Dúvidas de uma lagarta ao virar borboleta.
Boa Noite!
Beijos mil! :-)

Noé disse...

Quem faz é quem sabe, mas se não fiz, o que sei eu?
Noé

scaramouche disse...

Parabéns pelas palavras que inspiram os leitores a ... voltar e sair dele com algo especial.

scaramouche.

Catarina em Lx disse...

Que bonito cerejinha!!! Li, reli e volto a ler...